15º Congresso Brasileiro do Agronegócio

24-06 Estadão

O evento vai debater diversos aspectos ligados ao desafio de manter o Brasil na liderança mundial da produção de alimentos

Com a participação das mais expressivas lideranças políticas, econômicas e do agronegócio brasileiro, a Associação Brasileira do Agronegócio (Abag) promoverá, no dia 8 de agosto, em São Paulo, o 15º Congresso Brasileiro do Agronegócio, evento consolidado como um dos mais importantes realizados no País. A expectativa é atrair a atenção de empresários, executivos, especialistas, agrônomos e demais profissionais da área, assim como políticos sintonizados com o segmento que tem se mantido como alicerce da economia brasileira.

O tema central deste ano será “Liderança e Protagonismo” e debaterá diversos aspectos ligados ao desafio de manter o Brasil na liderança mundial da produção de alimentos, fibras e energia renovável, ao mesmo tempo em que se consolida a percepção de ser o produtor brasileiro um dos mais sustentáveis do mundo. Sobre o tema Liderança no Agronegócio, no primeiro painel, participarão, como debatedores: a senadora Ana Amélia Lemos; o empresário Carlos Alberto Paulino da Costa, presidente da Cooxupé; Eduardo Leduc, presidente do Conselho da Andef – Associação Nacional de Defesa Vegetal; e José Roberto Mendonça de Barros, sócio diretor da MB Associados.  O moderador desse painel será o jornalista Celso Ming, colunista de O Estado de S. Paulo.

Já o painel 2, que discutirá o tema Protagonismo do Agronegócio, contará com os seguintes debatedores: Marcos Montes, deputado federal e presidente da Frente Parlamentar da Agropecuária; Zeina Latif, economista chefe da XP Investimentos; o coordenador da GVAgro Roberto Rodrigues; Marcelo Furtado, da Coalizão Brasil, Clima, Florestas e Agricultura e o embaixador Marcos Azambuja. O moderador desse painel será o jornalista Fernando Lopes, editor de agronegócios do Valor Econômico.

Por fim, no terceiro e último painel, que tratará de ética terá a participação do ex-presidente do Supremo Tribunal Federal, Carlos Ayres Britto; do economista Eduardo Giannetti da Fonseca; e do filósofo e ensaísta, Luiz Felipe Pondé. O moderador desse painel ainda está por ser definido.

Prêmios e homenagens

A Abag ainda prestará homenagens durante o evento. O Prêmio Norman Borlaug de Sustentabilidade será entregue ao engenheiro agrônomo Sizuo Matsuoka, geneticista e responsável pela maioria das variedades de cana em produção; sócio fundador da Vignis, empresa especializada na produção de biomassa para o fornecimento de cana-energia para a indústria e usinas termelétricas. O prêmio será entregue por Ismael Perina Junior, agricultor do segmento canavieiro e presidente da Câmara Setorial do Açúcar e Álcool, órgão consultivo do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA).

Será entregue também o Prêmio Personalidade do Agro Ney Bittencourt de Araújo, que este ano homenageará o governador do Mato Grosso, Pedro Taques, que tem se destacado nacionalmente como um dos principais defensores do agronegócio. O prêmio será entregue por Rui Prado, presidente da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Mato Grosso (Famato). As inscrições estão abertas e podem ser feitas no site do evento.

FONTE DA NOTÍCIA: SFAGRO

FONTE DA FOTO: Dida Sampaio/Estadão