15ª edição do Prêmio Innovare destaca iniciativas de combate à corrupção

Neste ano, o Prêmio Innovare terá o combate à corrupção como destaque. A 15ª edição será lançada nesta quinta-feira (8/3), no Superior Tribunal de Justiça.

A comissão julgadora pretende premiar iniciativas que têm como objetivo principal criar mecanismos para prevenir, combater ou dar transparência ao poder público. Edições anteriores já expuseram iniciativas sobre acesso à Justiça; informatização; desburocratização e garantia de direitos dos cidadãos.

As seis categorias a concorrer serão: tribunal, juiz, Ministério Público, Defensoria Pública, advocacia e Justiça e cidadania. As inscrições estarão abertas entre 8 de março a 30 de abril.

A comissão julgadora, que escolherá os premiados, será composta por 31 jurados e contará com duas novas convidadas: a procuradora-geral da República, Raquel Dodge; e a cientista política e diretora de Pesquisas Jurídicas do Conselho Nacional de Justiça, Maria Tereza Sadek.

Também participam representantes de entidades representativas da advocacia, da magistratura, do Ministério Público, de defensores públicos, de procuradores da República. O presidente do Conselho Superior é o ministro aposentado do Supremo Tribunal Federal Carlos Ayres Britto.

Lançado em 2004, o Prêmio Innovare se propõe identificar, divulgar e difundir práticas que contribuam para o aprimoramento, modernização e bom funcionamento da Justiça no Brasil. A premiação foi criada e é mantida pelo Instituto Innovare, uma associação sem fins lucrativos.

FONTE DA NOTÍCIA: CONJUR

FOTO: Prêmio Innovare